FolhaPress

Mulher trans é assassinada em velório de companheiro em SC

PM informou ainda que Sabrina possuía passagens policiais por tráfico de drogas, roubo e estelionato

PM informou ainda que Sabrina possuía passagens policiais por tráfico de drogas, roubo e estelionato
PM informou ainda que Sabrina possuía passagens policiais por tráfico de drogas, roubo e estelionato (Foto: arquivo pessoal)

Uma mulher trans foi assassinada durante o velório do companheiro na noite da última sexta-feira (6) em Joinville, norte de Santa Catarina. Sabrina Martins, 36, recebeu oito tiros quando estava na capela mortuária São Sebastião, no bairro Iririú.

Segundo informações da Polícia Militar, testemunhas informaram que dois homens entraram no velório e efetuaram os disparos contra Sabrina e fugiram a pé. Ela foi encaminhada ao Hospital Municipal São José, mas morreu após dar entrada.

A PM informou ainda que Sabrina possuía passagens policiais por tráfico de drogas, roubo e estelionato.

Na noite anterior ao crime, o companheiro de Sabrina também foi morto por disparos de arma de fogo. Emerson Ferkrussen Mello Júnior, 23, foi assassinado na região do bairro Jardim Iririú também em Joinville.

Uma câmera de monitoramento flagrou o motoboy parando a moto no momento que foi morto com mais de 15 tiros a queima roupa por um homem que o esperava na rua.

O UOL tentou entrar em contato com o delegado da Polícia Civil responsável pelo caso, mas não obteve retorno até a conclusão desta reportagem.

Nas redes sociais, Sabrina postou pela última vez na madrugada de ontem justamente com uma foto em luto ao companheiro. “‘Tô’ sem chão”, escreveu Sabrina.