Na Vila Belmiro, Atlético sofre pressão do Santos, mas vence clube paulista por 1 a 0

O gol do jogo foi marcado pelo atacante Zé Roberto, aos 20 minutos do primeiro tempo

Foto: Ivan Storti/Santos FC

Após 4 rodadas sem vitória, o Atlético enfim voltou a vencer na Série A. Neste domingo (25), o Dragão foi até a Vila Belmiro e venceu o Santos pelo placar de 1 a 0. A partida foi um ataque contra defesa do Peixe, porém diferente do time paulista, os goianos foram mais efetivos. Zé Roberto, de pênalti, marcou o gol do jogo.

Com o triunfo, o Atlético chegou aos 18 pontos e subiu para a 7ª colocação. Agora, o Dragão irá mudar a chave, já que na quarta-feira (28), os goianos vão até a Arena da Baixada, para duelar contra o Athletico Paranaense, pela Copa do Brasil. Já o Santos caiu para a 11ª posição, com 16 pontos. O Peixe também irá jogar pela Copa do Brasil na quarta (28), diante da Juazeirense, em casa.

O jogo

O primeiro tempo começou morno e sem grandes oportunidades, com o Dragão recuado e na busca pelo contra-ataque. Já o Santos tinha a posse de bola e tentava algumas finalizações de fora da área. Porém aos 20 minutos, Baralhas recebeu de Zé Roberto e foi derrubado por João Paulo dentro da área. Pênalti para o Dragão. Na cobrança, Zé Roberto bateu no canto alto esquerdo e abriu o marcador.

Atrás no placar, o Santos acordou e encurralou o Atlético no sistema defensivo. Em boas tramas ofensivas, o Peixe teve grandes chances. Felipe Jonathan acertou o travessão, já Madson parou em uma boa defesa de Fernando Miguel, que impediu o empate do time paulista.

O segundo tempo foi um jogo de ataque contra defesa. Na busca do empate, o Santos manteve a pressão e conseguiu criar boas chances. Marcos Guilherme teve duas boas oportunidades, mas mandou por cima do gol, assim como Madson, que de cabeça, não aproveitou. A melhor chance foi de Kaio Jorge, que recebeu sem goleiro, limpou o marcador e bateu, mas Wanderson salvou em cima da linha.

Encurralado, o Atlético ficou apenas na defesa, mas as chances de matar a partida apareceram. Primeiro com Ronald que na cara do gol, limpou o marcador, mas mandou por cima da meta de João Paulo. Na outra, o arqueiro do Peixe salvou a finalização de Arthur Gomes, também de frente com o goleiro. O cansaço bateu no Peixe, que apenas tentava as bolas alçadas na área, melhor para a defesa do Dragão, que voltou a vencer na Série A após 4 jogos.