PC investiga pai e dois filhos suspeitos de invadir bar e atacar dona, em Caldas Novas (GO)

Suspeitos confessaram o crime dizendo que a confusão aconteceu por conta do barulho alto no estabelecimento

PC investiga pai e dois filhos suspeitos de invadir bar e atacar dona, em Caldas Novas (GO) (Foto: Divulgação – PC)

A Polícia Civil investiga um pai e dois filhos suspeitos de invadir o bar de uma vizinha, ameaçar e agredir a dona e ainda quebrar cadeiras e mesas do estabelecimento. Os crimes aconteceram na cidade de Caldas Novas, horas antes do Réveillon, no dia 31 de dezembro do ano passado. Nesta terça-feira (26), os agentes civis cumpriram um mandado de busca e apreensão na residência dos investigados, situada no Setor Recanto de Caldas. Apesar disso, nenhum dos três está preso até o momento.

De acordo com o boletim de ocorrência, no dia do crime, o pai de 41 anos e seus dois filhos, de 22 e 26, entraram no estabelecimento com armas de fogo e começaram a agredi-la e ameaçá-la. A mulher relata que os homens rasgaram roupas que estavam no varal dela e ainda quebraram cadeiras, mesas e garrafas do bar.

Suspeitos confessaram o crime dizendo que a confusão aconteceu por conta do barulho alto no estabelecimento

Suspeitos confessaram o crime dizendo que a confusão aconteceu por conta do barulho alto no estabelecimento (Foto: Divulgação – PC)

Quase quatro meses depois do crime, durante as buscas na casa dos imputados nesta terça (26), a polícia encontrou uma pistola calibre 9mm, três carregadores, 68 munições, uma arma de air soft e uma espingarda de chumbinho. Entretanto, a arma de fogo estava registrada em nome do proprietário e mantida em sua residência.

Interrogados logo após a execução do mandado, os três homens confessaram a autoria dos danos, mas negaram a utilização de arma de fogo. Segundo os suspeitos, ‘somente’ houve emprego de socos, chutes e pedras.

Polícia encontrou uma pistola calibre 9mm, três carregadores, 68 munições de 9mm, uma arma de air soft e uma espingarda de chumbinho. (Foto: Divulgação – PC)

Polícia encontrou uma pistola calibre 9mm, três carregadores, 68 munições de 9mm, uma arma de air soft e uma espingarda de chumbinho. (Foto: Divulgação – PC)

Suspeitos de invadir bar e atacar dona reclamavam de barulho alto

A polícia informou também que os suspeitos ainda justificaram o crime dizendo que a confusão aconteceu por conta do barulho alto no estabelecimento. Os homens afirmam que havia ‘algazarra’ e ‘bombinhas’ sendo soltadas pelos donos e frequentadores do bar”, antes deles agirem.

“Esses vizinhos tem um histórico de desavenças. Nesse dia do crime, perderam a cabeça. Eles alegam que o bar estava fazendo todo esse barulho e eles têm um recém-nascido em casa”, detalhou o delegado do caso, Tiago Ferrão.

Os crimes aconteceram na cidade de Caldas Novas, horas antes do réveillon, no dia 31 de dezembro do ano passado

Os crimes aconteceram na cidade de Caldas Novas, horas antes do réveillon, no dia 31 de dezembro do ano passado (Foto: Divulgação – PC)

De acordo com os investigadores, embora não tenha ocorrido flagrante de crime ou prisões, a operação “foi de grande valia para a investigação dos fatos”. Isso porque, houve a confissão dos suspeitos, que ajudará na conclusão do inquérito.