Pintor que sofreu graves queimaduras em Anápolis espera vaga no HUGOL

Enquanto isso no Hospital Estadual Dr. Henrique Santillo (HEANA) o homem está consciente e estável de acordo com o último boletim divulgado

Segundo o Corpo de Bombeiros, com o choque a vítima teve cerca de 60% do corpo queimado. (Foto: Divulgação)

O pintor de 48 anos, ainda sem nome divulgado, que sofreu uma forte descarga elétrica na manhã desta sexta (21), em Anápolis, espera uma vaga para ser transferido para o Hospital Estadual de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (HUGOL), em Goiânia. A unidade é referência em tratamento de queimaduras.

Enquanto isso no Hospital Estadual Dr. Henrique Santillo (HEANA), o homem está consciente e estável, de acordo com o último boletim divulgado.

O acidente

O acidente com o pintor aconteceu na manhã desta sexta-feira (21), na Avenida Universitária, no setor Cidade Universitária, em Anápolis. Segundo o Corpo de Bombeiros, com o choque a vítima teve cerca de 60% do corpo queimado.

A corporação informou à reportagem do Mais Anápolis que o homem pintava a área externa da loja e acidentalmente o cabo de metal encostou na rede de alta tensão. Com o choque, o pintor caiu e sofreu queimaduras no tórax, costas e braços.