Polícia Civil investiga latrocínio praticado contra idoso, em Anápolis 

Antônio Ferreira, de 63 anos, foi encontrado amarrado e com sinais de violência na residência que morava. Segundo familiares, antes do crime mulheres havia frequentado o local.

Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) ficará responsável pelo caso. (Foto: Reprodução)

Um idoso de 63 anos foi encontrado morto e com sinais de violência na manhã deste sábado (28) na Rua Marechal Gouveia, região da Vila Jaiara, em Anápolis. A suspeita da Polícia Civil é de latrocínio. Antônio Ferreira de Mesquita, foi encontrado com a perna e pescoço amarrados. A motivação e autoria ainda são desconhecidas.

O filho da vítima, de 36 anos, contou para a Polícia Militar (PM) que ao chegar na residência não viu o veículo Fiat Strada na garagem. Ao entrar encontrou o pai amarrado, com sinais de espancamento e sem os sinais vitais. O socorro médico constatou o óbito do idoso.

Segundo relatos de familiares, Antônio esteve reunido com algumas mulheres na residência. Uma testemunha contou que ao sair de casa durante a madrugada observou uma movimentação por volta de 4h15.

Após perícia, o corpo do homem foi levado ao Instituto Médico Legal (IML). O Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) da Polícia Civil ficará responsável pelo caso. Até a publicação desta reportagem ninguém havia sido identificado ou preso.

Uma das linhas de investigação é a prática do latrocínio, roubo seguido de morte.