Polícia prende em Goiânia foragido por matar o pai em Alagoas há nove anos

Foragido residia no setor Granja Cruzeiro do Sul, na Capital

Nove anos depois do crime, a Polícia Civil prendeu em Goiânia um foragido da Justiça de Alagoas por matar e ocultar o cadáver do próprio pai
Polícia prende em Goiânia foragido por matar o pai em Alagoas (Foto: Reprodução/Polícia Civil)

Nove anos depois do crime, a Polícia Civil prendeu em Goiânia um foragido da Justiça de Alagoas que foi condenado por matar e ocultar o cadáver do próprio pai. O crime ocorreu no dia 22 de abril de 2012, na cidade de Teófilo Otoni (AL), mas o autor foi encontrado e preso nesta quarta-feira (12).

Segundo um site local, João Nicácio da Silva tinha 91 anos, era agricultor, aposentado e residia na zona rural de uma cidade do agreste de Alagoas, onde foi morto e enterrado pelo filho em 2012.

Desde o dia em que o caso aconteceu, o investigado era procurado pelos policiais civis alagoenses, porém, nunca foi encontrado. Por isso, em março de 2020 foi decretada sua prisão pelo Poder Judiciário de Alagoas.

Após as investigações e compartilhamento de informações com os policiais civis dois Estados, ele foi localizado e preso pela Polícia Civil de Goiás no setor Granja Cruzeiro do Sul, em Goiânia. José Costa Silva, delegado responsável pela investigação, disse que o suspeito não resistiu à prisão e posteriormente será encaminhado para Alagoas.