Polícia prende suspeitos de furtar “armas de guerra” e mais de 500 munições em Trindade (GO)

Homens devem responder pelos crimes de organização criminosa e tráfico de armas

Polícia prende suspeitos de furtar armas de guerra e mais de 500 munições em Trindade (GO)
Polícia prende suspeitos de furtar armas de guerra e mais de 500 munições em Trindade (GO) (Foto: Divulgação - PC)

Dois homens, de 32 e 41 anos, foram presos por suspeita de contrabandear “armas e munições de guerra”, em Trindade, na região Metropolitana de Goiânia. De acordo com a Polícia Civil foram apreendidas três armas de fogo com calibres pesados, como o 762 e o 308, utilizadas também em assaltos a banco, e mais de 500 munições.

A ação de quinta-feira (5) foi planejada após a ocorrência de furtos de armas e munições na residência de um colecionador.

Os suspeitos são acusados de terem furtado outros vários colecionadores e ainda de abastecerem o crime organizado.

Investigação

A delegada responsável pelo caso, Silvana Nunes, afirma que as armas apreendidas são de guerra. “Podem ser usadas até para assalto a caixa forte e bancos”, disse ao completar que tudo indica que foram contrabandeadas de fora do país.

A corporação informou que, a investigação contra o tráfico de armas de faccionados que é encabeçada pela Delegacia de Guapó já ocorre há quase quatro meses. A partir dessas apreensões, a PC espera rastrear qual a origem e o destino das armas.

Os suspeitos foram presos em flagrante e encaminhados à Central de Flagrantes de Trindade.

Mais de 500 munições foram apreendidas (Foto: Divulgação - PC)

Mais de 500 munições foram apreendidas (Foto: Divulgação – PC)