Preso suspeito de tentar arremessar celular para dentro de presídio de Rio Verde (GO)

Servidores apreenderam drone que lançaria aparelho telefônico dentro da unidade prisional

Servidores penitenciários prenderam um homem que, supostamente, iria tentar arremessar um celular por cima do muro para dentro do presídio de Rio Verde, no Sudoeste de Goiás. O caso aconteceu durante a tarde de segunda-feira (11).
Preso suspeito de tentar arremessar celular dentro do presídio de Rio Verde (GO) (Foto: Divulgação – Dgap)

Servidores penitenciários prenderam um homem que, supostamente, tentaria arremessar um celular para dentro do presídio de Rio Verde, no Sudoeste de Goiás. O caso aconteceu na tarde de segunda-feira (11).

De acordo com os policiais penais, a prisão ocorreu após servidores do presídio avistarem o homem em “atitude suspeita”, próximo a uma plantação de milho, que fica nas imediações da unidade prisional.

Os agentes narram que, assim que o homem notou que estava sendo observado, fugiu. Ao entrar no espaço de vegetação, a equipe de policiais encontrou um drone, que, segundo a corporação, seria utilizado para arremessar o aparelho no presídio.

Dez minutos depois, os servidores penitenciários fizeram outra varredura na área e encontraram o suspeito com o aparelho celular em uma rodovia paralela ao presídio de Rio Verde.

Os itens foram apreendidos e, juntamente com o suspeito, foram levados à Delegacia. O Mais Goiás não conseguiu contato com a defesa do homem, pois a Diretoria Geral de Administração Penitenciária (DGAP) não divulgou o nome dele.

A corporação não revelou se já existe uma suspeita de quem receberia o celular. Também não foi informado se o suspeito detido possui algum antecedente criminal.