Simone Mendes conta que já foi presa nos Estados Unidos

A situação aconteceu por engano, mas marcou para sempre a vida da cantora

Foto: Reprodução - Instagram

A cantora Simone Mendes, da dupla com Simaria, contou em um vídeo publicado no YouTube que já foi presa nos Estados Unidos. A situação aconteceu há 16 anos, quando ela era backing vocal do cantor Frank Aguiar.

“Frank Aguiar vai fazer show nos Estados Unidos, toda a documentação perfeita. Chegando lá, na hora da entrevista com a Polícia Federal, me levaram para uma salinha. Achava que era para ver alguma coisa”, começou a artista.

“Quando penso que não, vêm uns policiais e colocam um cinto de couro com uma corrente e algema. Eu começo a chorar. Imagina, nova, minha primeira vez no país. Para eles, meu passaporte era roubado. Para acabar de lascar, uma algemazinha no meu pé, e eu chorando”, relembrou.

Ela continuou a história e disse que sofreu pressão por parte da polícia, por mais que eles tivessem a confundido. “E a pressão psicológica que eles faziam? ‘Pode contar para a gente que seu passaporte foi roubado. Se você contar a verdade, a gente vai deixar você pelo menos ligar para a sua mãe. Senão, você vai ficar presa aqui e não vai ver mais seus pais”, contou.

Finalizando a história ligeiramente assustadora escolhida para postar em seu canal nesse Dia das Bruxas, Simone disse que cinco horas depois os policiais se retrataram e pediram desculpas. “Pode conhecer nosso país. Foi engano'”, disseram.