Suspeito de agredir a ex é preso em Goianésia: “vou te matar se você não for minha”

Homem bateu a cabeça da vítima contra a parede e a agrediu com chutes, empurrões e puxões de cabelo

“Vou te matar se você não for minha”; suspeito de ameaçar e agredir a ex-mulher é preso em Goianésia (GO)
“Vou te matar se você não for minha”; suspeito de ameaçar e agredir a ex-mulher é preso em Goianésia (GO)

A Polícia Civil prendeu um homem de 55 anos suspeito de agredir e ameaçar a ex-namorada em Goianésia, região Central de Goiás. A agressão aconteceu na terça-feira (21), data em que o suspeito foi preso em flagrante e encaminhado para a Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) da cidade. Segundo a Polícia, a vítima foi agredida com chutes, empurrões e puxões de cabelo dentro da antiga residência do casal.

Em depoimento, a vítima contou que teve um relacionamento de quatro anos com o suspeito, mas resolveu terminar a relação em maio deste ano devido ao ciúme excessivo e constantes agressões que sofria.  O homem não aceitou o término namoro e começou a ameaçá-la de morte.

Segundo a vítima, em uma das ameaças o suspeito dizia “eu vou te matar se você não for minha, assim você não vai ser de mais ninguém”.

Mais agressões e ameaças

Na data do crime, a mulher retornou à antiga casa onde morava com suspeito para buscar alguns pertences que havia deixado. Na ocasião, o suspeito a puxou pelos cabelos e a agrediu com socos e chutes. Durante as agressões, o homem ainda contou que vendeu o carro para comprar uma arma e usaria o objeto para matá-la.

Ainda de acordo com o relato da vítima, o suspeito a deixou caída no chão e foi em direção à cozinha para uma pegar uma faca. No momento em que o suspeito vinha em sua direção, a mulher conseguiu se levantar, correr e encontrar um local onde se escondeu e acionou a polícia.

Os policiais foram até o endereço informado pela vítima e efetuaram a prisão do suspeito, que foi encaminhado para o presídio de Goianésia pelos crimes de ameaça e injúria, com incidência da Lei Maria da Penha, e lesão corporal no âmbito da violência doméstica.

Leia outras notícias no Mais Goiás

Homem que quebrou o nariz da ex-esposa durante agressão é preso em Trindade (GO)

Homem que matou mulher e tirou a própria vida não aceitava fim da relação, diz polícia

Homem agride ex-companheira na frente dos filhos, destrói móveis e é preso, em Jaraguá

*Jeice Oliveira compõe programa de estágio do Mais Goiás sob supervisão de Jessica Santos