Suspeito de estrangular homem em casa é preso mais de 7 meses após o crime, em Aparecida

Vítima foi encontrada estrangulada dentro de sua própria residência

Preso suspeito de estrangular homem com cabo de TV (Foto: Divulgação - PCGO)
Preso suspeito de estrangular homem com cabo de TV (Foto: Divulgação - PCGO)

Suspeito de estrangular e matar homem com cabo de TV em residência é preso mais de sete meses após o crime, em Aparecida. Leonardo da Silva Gonçalves, de 30 anos, foi preso pelo Grupo de Investigação de Homicídios (GIH).

Leonardo é suspeito de matar Cícero Fonseca de Mello por meio de um estrangulamento com um cabo de televisão no dia 4 de abril deste ano. A vítima foi encontrada morta no interior de sua residência com pertences furtados.

A ação de Leonardo foi registrada por câmeras de vigilância da rua da vítima, de onde se consegue perceber o autor subtraindo uma cama, um botijão de gás e outros pertences de Cícero.

O suspeito foi preso no bairro Alto Paraíso, indiciado por homicídio qualificado e encaminhado à 4ª Delegacia Distrital de Aparecida, onde aguarda determinações do Poder Judiciário.

O mandado de prisão temporária foi cumprido na última terça-feira (23). A divulgação da imagem e identificação do preso foi precedida nos termos da Lei nº. 13.869/2019, portaria n.º 547/2021 – PC, conforme despacho autorizado do delegado de polícia responsável pela investigação, sendo medida necessária para fins de investigação, visando o encontro de outras vítimas de roubos praticados pelo acusado na região.