Talibã amarra adolescentes acusados de furtar pão no Afeganistão

Um dos adolescentes disse à imprensa local que ele e a família não se alimentavam há 3 dias

Membros do Talibã amarram adolescentes por 'terem furtado pão'
Membros do Talibã amarram adolescentes por 'terem furtado pão' (Foto: Reprodução/Twitter/Terça Livre)

Membros do Talibã amarraram dois adolescentes afegãos a um poste. O grupo afirma que os jovens furtaram pães para se alimentarem.

Dawod Zai, responsável pela instituição de caridade Bin Dawod Foundation, foi quem compartilhou a imagem.

Membros do Talibã amarram adolescentes por 'terem roubado pão'

Um dos adolescentes disse à imprensa local que ele e a família não se alimentavam há 3 dias (Foto: Reprodução – Dawod Zai)

Segundo ele, um dos adolescentes disse à imprensa local que ele e a família não se alimentavam há 3 dias. “A minha família não comeu nos últimos 3 dias, lamento ter comido aquele pão sem autorização, mas tive que fazê-lo. Não há trabalho e sem comida, o que eu teria feito?”, disse.

O Programa Mundial de Alimentos estima que 93% dos afegãos não estejam recebendo comida suficiente. Milhões de pessoas vivem abaixo da linha de pobreza. Além disso, o quadro se agravou com a volta do Talibã ao poder, já que muitas empresas foram fechadas.

Dawod também publicou imagens de um outro adolescente afegão sendo punido. Ele foi chicoteado por um homem mais velho.

Membros do Talibã amarram adolescentes por 'terem roubado pão'

Dawod também publicou imagens de um outro adolescente afegão sendo punido (Foto: Reprodução – Dawod Zai)

Ao ser açoitado, o jovem ouve de um outro homem um decreto punitivo escrito em uma folha. Ao redor estão muitos homens armados, membros do Talibã.

*Informações do Extra Globo