“Vai morrer”, aluno ameaça professor de escola pública, em Anápolis

O aluno fez um gesto com as mãos ao redor do pescoço e ameaçou de morte o professor

Depai Anápolis
O caso está sendo investigado pela Delegacia de Polícia e Apuração de Atos Infracionais (DEPAI). (Foto: Reprodução)

AMEAÇA | Um adolescente de 16 anos é suspeito de ameaçar um professor do Colégio Estadual Waldemar de Paula Cavalcanti, em Anápolis, após ser advertido por entregar a prova em branco, na tarde dessa quarta-feira (22). O caso foi parar na polícia, e segundo a Secretaria Estadual de Educação (Seduc), a direção da escola já entrou em contato com os pais do adolescente.

Segundo o professor, assim que entregou a prova para a turma, o adolescente assinou o nome e devolveu. Quando foi questioná-lo sobre não fazer a prova, o aluno fez um sinal com a mão envolta do pescoço e disse: “Vai morrer”.

O educador denunciou o caso à polícia e por se tratar de um menor de idade, a investigação será realizada pela Delegacia de Polícia e Apuração de Atos Infracionais (DEPAI), de Anápolis.

Em nota, a Seduc afirmou que a Superintendência de Segurança Escolar também vai acompanhar o caso e que tem incentivado nas escolas públicas uma cultura de paz.

Por: @marijornalista do Mais Anápolis | Foto: Reprodução