Youtuber vítima de abordagem agressiva da PM se muda de Cidade Ocidental

Ciclista diz que é perseguido desde o final de maio

Youtuber negro abordado enquanto gravava vídeos muda de Cidade Ocidental após intimidação de PMs
Youtuber negro abordado enquanto gravava vídeos muda de Cidade Ocidental após intimidação de PMs (Foto: Reprodução/YouTuber)

O youtuber e ciclista Filipe Ferreira Oliveira, de 28 anos, que foi abordado por policiais militares enquanto fazia manobras em um parque da Cidade Ocidental, no Entorno do Distrito Federal, disse que se mudou do município após ser intimidado e perseguido por outros PMs. O jovem saiu da cidade onde morava após um vídeo gravado e publicado no seu canal do YouTube, na última terça-feira (29).

Nas imagens, Filipe revela que, após a primeira denúncia de abuso de autoridade, ele tem sido constantemente intimidado por policiais militares. É possível ver no vídeo que uma viatura passa e o polícia acena para o ciclista. Depois, o carro se aproxima e um dos militares desce e diz para o youtuber parar de andar. Após parar, Filipe diz que os policiais o ameaçaram. Em seguida, o militar diz “Você estava olhando e filmando. Você está precisando da Polícia Militar? Qual foi a ameaça?”.

O youtuber registra no vídeo os nomes dos militares bordados nas fardas e também a placa do carro. Depois, em casa, faz um desabafo. “Toda vez que eu saio para andar, dar um rolê de bike, acontece isso comigo. Viaturas encarando, acionando sirene, fazendo coisas sempre para me intimidar, para que eu fale alguma coisa que tire minha razão, me desestabilize. Eu estou agindo sempre com muita cautela, tentando filmar tudo para que eu esteja resguardado”.

O Ministério Público de Goiás informou que tomou conhecimento do caso e que está averiguando a situação. O Mais Goiás entrou em contato com a Polícia Militar (PM) através do e-mail, mas até às 16h40 desta terça-feira a reportagem não teve retorno.

Assista o vídeo completo:

Relembre:

A primeira abordagem aconteceu, no dia 28 de maio. O jovem gravava um vídeo realizando manobras de bicicleta para seu canal no Youtube, quando foi parado pelos militares. Na ocasião, o homem foi algemado e teve uma arma de fogo apontada para si.

Imagens feitas pelo youtuber mostram quando uma viatura da PM surge no local em que o jovem estava. Um dos policiais desce do carro e grita ordenando que o homem se afaste. Filipe, então, questiona a abordagem do policial, momento em que o militar saca uma arma.

“Por que você está apontando uma arma pra mim?”, pergunta o youtuber. “Coloca a mão na cabeça. Se não obedecer, você vai ser preso”, grita o PM. “O que que eu tô fazendo cara?”, continua Filipe. Durante todo o momento, registrado no vídeo, um dos policiais mantém a arma apontada. “Esse é o procedimento”, afirma. “Beleza, cara, mas porque me tratar desse jeito?”, questiona o jovem.

O vídeo ultrapassou 5,9 milhões de visualizações em uma das publicações. Famosos como a apresentadora Fernanda Lima, o cantor Thiaguinho e o ator Babu Santana se posicionaram e comentaram sobre o caso. À época, a Polícia Militar disse que investigava o fato.

Assista: