Zé Trovão: caminhoneiros esperam vídeo de Bolsonaro para liberar rodovias

Goiás tem oito pontos de paralisação de caminhoneiros, cinco em GOs e três em BRs. Veja situação atual dos atos em rodovias goianas

Zé Trovão é preso no México nesta quinta-feira
Zé Trovão é preso no México nesta quinta-feira (Foto: Reprodução)

Caminhoneiros esperam vídeo de Bolsonaro para liberar rodovias ocupadas desde quarta-feira (8) em 14 estados Brasileiros. A afirmação é de Zé Trovão, liderança da categoria. Segundo ele, em gravação divulgada nesta quinta-feira (9), áudio com pedido de liberação atribuído ao presidente pode não ser verdadeiro.

Caminhoneiros esperam vídeo de Bolsonaro: áudio não é confiável, diz Zé Trovão

“Presidente, se o senhor quer que liberemos as pistas, queremos que o senhor fale para o povo brasileiro isso. Que o senhor faça um vídeo com dia e data e peça para nós. Aí, sim, faremos vídeos para liberar as pistas. Sem isso não vou fazer. Não dá mais confiar em vídeo em áudio, pois pode ser coisa antiga”, afirma.

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, no entanto, confirmou a procedência do áudio e solicitou que os caminhoneiros desocupem as pistas, pois a paralisação pode impactar a economia e trazer desabastecimento.

Zé Trovão se diz perseguido politicamente, assista

No vídeo, Zé Trovão ainda diz que é perseguido politicamente pela Justiça. “Minha vida está destruída. Estou sendo perseguido politicamente, com mandado de prisão por passar por isso e posso nunca mais ver a minha família”, diz. “Eu não vou para uma cadeia porque não sou bandido”, continua.

Zé Trovão é foragido da Justiça após desafiar ordem de prisão expedida pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, no último dia 3.

Ele é acusado de insuflar atos antidemocráticos favoráveis a Bolsonaro e suspeito de publicar conteúdos que incitam violência contra ministros do STF.

Veja quais rodovias goianas recebem ocupações do movimento

Cinco rodovias goianas têm pontos de paralisação de caminhoneiros na manhã desta quinta-feira:

  • GO-020 km 28
  • GO-020 km 08
  • GO-216 km 25
  • GO-320 km 72
  • GO 330 km 120

O comando da Polícia Militar se reúne nesta manhã para as medidas a serem tomadas. No entanto, a corporação define a paralisação como pacífica. Os cinco pontos são monitorados e segue em meia pista.

Paralisação de caminhoneiros: pontos de manifestação nas BRs que cortam Goiás

Em Goiás a PRF registra os seguintes pontos com manifestações nas rodovias federais:

– BR 153, em Itumbiara, na região sul do estado:
bloqueio parcial da via por veículos de carga, com uma das faixas liberadas para carros de passeio, cargas perecíveis, emergências, transporte de passageiros.

– BR 153, em Porangatu, norte do estado:
Ponto de manifestação com concentração de veículos de carga. Não há interdição de fluxo.

– BR 153, em Uruaçu, norte do estado:
Ponto de manifestação com concentração de veículos de carga. Não há interdição de fluxo.