Coluna da Tainá Borela

Vitor Hugo quer uma candidatura em Goiás que defenda Bolsonaro “com sangue nos olhos”

"Eu estou chegando agora ao PL, mas não estou chegando agora ao bolsonarismo. Estou defendendo o presidente há muito tempo"

Bolsonaro cita Vitor Hugo ao governo de Goiás e elogia o deputado
Vitor Hugo e Bolsonaro (Foto: Agência Brasil)

Trabalhando para ser o candidato a governo do presidente Jair Bolsonaro (PL) em Goiás, o deputado federal Major Vitor Hugo afirmou à coluna que é importante que o presidente tenha um candidato no Estado que o defende “com sangue nos olhos”. “Eu estou chegando agora ao PL, mas não estou chegando agora ao bolsonarismo. Estou defendendo o presidente há muito tempo. E o projeto principal é o projeto do presidente Jair Bolsonaro”, afirmou. O deputado ameniza o tom ao dizer que o presidente nacional do PL, Valdemar Costa Neto, tem uma força política grande e que nada será feito sem a concordância dele. Atualmente, o PL goiano é comandado por Flávio Canedo, marido da deputada federal Magda Mofatto. Os dois já declararam apoio ao prefeito de Aparecida de Goiânia, Gustavo Mendanha, pré-candidato a governo de Goiás, e querem que o ex-emedebista se filie ao partido. “As discussões vão se dar entre Bolsonaro e o Valdemar”, avalia Vitor Hugo. “Eu, a Magda, o Flávio e o Gustavo somos coadjuvantes. Do meu lado eu vou cumprir a missão que o presidente Bolsonaro me der. Eu não sei se a Magda, o Flávio e o Mendanha têm a mesma disposição”, disparou.

Eliminação

A deputada federal Magda Mofatto afirmou nesta terça-feira, durante uma entrevista a uma rádio de Goiânia, que é importante que Gustavo Mendanha apoie o projeto de reeleição do presidente Jair Bolsonaro, mas frisou que não é “eliminatório’ para que o ex-emedebista seja o candidato do PL ao governo.

Leva

Com a filiação de Bolsonaro ao PL, Vitor Hugo acredita que ao menos cinco deputados federais do PSL devem migrar para o PL na janela partidária

100%

O jornalista Vassil Oliveira, que trabalha com Henrique Meirelles (PSD), afirmou à coluna que assim que o pessedista deixar o governo de São Paulo, onde atua como Secretário da Economia, ele vai se dedicar “100% à pré-campanha de senador” em Goiás.

Fazer o social

O pré-candidato voltará ao Estado para uma série de agendas políticas no próximo dia 15. O presidente da Assembleia, Lissauer Vieira, o senador Vanderlan Cardoso e a vereadora Sabrina Garcez, que estão cuidando das agendas de Meirelles, organizam um café da manhã do pré-candidato com os deputados estaduais.

Agenda

O governador Ronaldo Caiado vai participar do evento de lançamento da pré-candidatura de ACM Neto a governador da Bahia na noite desta quarta-feira, em Salvador.

Partidário

Além de Caiado, também estarão presentes o presidente nacional do União Brasil, Luciano Bivar, o ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, e cerca de 40 deputados federais do União Brasil.

Oposição

O deputado estadual Helio de Sousa (PSDB) anunciou, de comum acordo com os colegas da bancada, Talles Barreto e Gustavo Sebba, a colega tucana Lêda Borges como a mais nova líder do PSDB na Assembleia Legislativa.

Base

Nesta terça-feira, 30, o deputado Talles Barreto informou, em Plenário, que estava deixando a liderança da bancada do partido. Talles deve se filiar em breve ao DEM.