Kossa Aqui

O drama de Alec Baldwin

Acidente envolvendo ator em set de filmagem é prova de que as tragédias estão aí para acabar com a vida de qualquer um

Alec Baldwin atira filme Gravações do filme
Alec Baldwin (Foto: Divulgação)

Quando vi que o nome de Alec Baldwin estava no trending topics, cliquei na hora. Imaginei que seria trabalho novo do cara que eu não estava sabendo. Vi a notícia e fiquei estarrecido. Um acidente durante as gravações do filme “Rust” ocasionou o óbito da diretora de fotografia Halyna Hutchins e deixou o diretor Joel Souza ferido. Uma tragédia.

As filmagens aconteciam ontem no estado do Novo México, nos EUA. O filme é um western e, como se sabe, o que não falta em bangue-bangue é cena de tiroteio. Em uma gravação, o desastre. Baldwin filmava uma cena em que disparava uma arma cenográfica. Os estilhaços dos tiros atingiram as vítimas no set. As investigações da polícia local procuram saber se alguém carregou a arma por engano ou se algo se alojou no cano.

Torço para que o que aconteceu seja esclarecido o quanto antes.

Sou um grande admirador de Baldwin. Maratonei pesado a série 30 Rock e me transformei em fanzoca de carteirinha da dupla Tina Fey e Alec Baldwin. Se você ainda não assistiu a esse humorístico que acabou em 2013, está vacilando. É coisa de altíssimo nível. Por isso que fiquei pessoalmente ainda mais chocado com o ocorrido.

Baldwin é um ator de mão cheia. Domina como poucos o timing do humor. Ele se destaca por um estilo de interpretação em que o texto se transforma quando está em sua boca. Parece que ninguém mais poderia fazer aquilo que ele faz. Baldwin tem assinatura, personalidade única. E isso é coisa dos grandes, coisa para poucos.

Não é a primeira vez que um acidente nessas características acontece. A trágica morte de Brandon Lee na gravação de O Corvo é um exemplo. Na ocasião, o filho de Bruce Lee tomou um tiro de verdade na barriga por erro de produção. A arma usada em cena deveria ter só balas de festim, mas no cartucho ainda haviam duas balas de verdade e ninguém se atentou a isso.

O caso de Baldwin está sob investigação e vamos saber com clareza tudo que aconteceu mais adiante. Por ora, só cabe lamentar a morte da profissional. Uma dor imensurável para todos envolvidos.

@pablokossa/Mais Goiás | Foto: Reprodução