Telemania

Crítica: Grace & Frankie (seriado) – Netflix

Série finalizou com o lançamento da Parte 2 de sua 7ª temporada na Netflix

(Foto: Netflix)

Jane Fonda e Lily Tomlin são duas veteranas de Hollywood que dispensam apresentações. Principalmente Fonda que já ganhou 2 Oscars e é considerada uma das grandes atrizes de sua geração (filha também de Henry Fonda, que foi outro grande nome do cinema). Mas em tempos onde a televisão tem recebido maior liberdade criativa, as duas atrizes encontraram na série de comédia “Grace & Frankie” um novo caminho para renovar a carreira e estarem em evidência para a geração atual.

Ambas com mais de 80 anos, “Grace & Frankie” é um projeto que no cinema teria dificuldades de ser feito. Uma produção com duas mulheres idosas dificilmente acharia a graça dos executivos para a realização de um filme. Mas Fonda e Tomlin são duas gigantes tanto em talento, quanto em compreensão do material em que estão trabalhando. A série é uma comédia leve e divertida que aproveita a ótima química de seu elenco (também formado pelos veteranos Sam Waterston e Martin Sheen) para trabalhar relações modernas, mas, principalmente, lidar com temas pouco explorados no panteão dos roteiros hollywoodianos: liberdade sexual para mulheres idosas e relacionamentos homo afetivos entre pessoas mais velhas (no caso aqui, entre os maridos interpretados por Sheen e Waterston).

Mas “Grace & Frankie” não abraça em nenhum momento a vulgaridade. Pelo contrário, o show trata com naturalidade e de maneira pueril tais temas, e aborda outros tipos de situações como problemas habituais de família, amizade, negócios, namoros, e também a maturidade de entender quando parar e quando abraçar um novo caminho. O show é repleto de nuances identificáveis, e o carisma de seu elenco é imprescindível para o êxito da narrativa.

Não é uma série perfeita, e como acontece em quase todas as sitcoms, há diversos momentos que soam repetitivos e nada inspirados, com personagens mal escritos e sem nenhuma graça. As constantes discussões entre Saul e Robert tornam-se chatas em várias ocasiões, e a sensação é que tais personagens pouco evoluem ao longo das temporadas – mas talvez seja a vida tal qual ela é, com pessoas sendo, de fato, pessoas e difíceis de mudar.

Mas apesar de todas as ressalvas, “Grace & Frankie” conseguiu me conquistar e me proporcionar momentos leves e divertidos. É um show extremamente recomendado para assistir durante uma refeição ou quando se chega cansado do trabalho. É um escape gratificante com duas excelentes atrizes protagonistas.

Grace & Frankie (7 temporadas)/EUA 

Ano: 2015-2022

Onde assistir: NETFLIX

Criado por: Marta Kauffman e Howard J. Morris

Com: Jane Fonda, Lily Tomlin, Sam Waterston, Martin Sheen, June Diane Raphael, Brooklyn Decker, Baron Vaughn, Ethan Embry…

Pôster Grace and Frankie - Pôster 21 no 35 - AdoroCinema