Coluna do Pablo Kossa

Lula é o cara mais furão do mundo com os goianos

Presidente dá o bolo mais uma vez em Goiás e mostra que tem outras prioridades políticas em suas visitas pelo país

Presidente Lula (Foto: Rafa Neddermeyer - Agência Brasil)
Presidente Lula (Foto: Rafa Neddermeyer - Agência Brasil)

Lula furou de novo na agenda que tinha em Goiás nessa semana. O presidente deixou na mão os aliados que contavam com sua presença em inaugurações na capital e em Aparecida de Goiânia. Em vez de ter fotos, entrevistas e demais lareados com os goianos, Lula preferiu ir a Campinas (SP). Prioridades.

O argumento de que Lula evita territórios hostis que deram votação superior a Bolsonaro não é verdadeiro. A cidade do interior de São Paulo que sedia a Unicamp votou em sua maioria no derrotado em 2022. Nos últimos dias, esteve no Mato Grosso do Sul e Rio Grande do Sul, estados de perfil majoritário bolsonarista. A questão é particular com Goiás.

O fato é que nosso estado não é uma prioridade política para o presidente. Simples assim. Sem floreios, sem tergiversações.

Se pinta algo que ele avalia como mais pertinente em sua agenda política, Goiás é preterido. E, olhando em retrospecto, ele não está errado na avaliação.

A única vez em que Lula venceu para a presidência em Goiás nas cinco vezes em que disputou foi em 2002.

“Ah, mas ele poderia ajudar os candidatos petistas ou aliados que irão concorrer para prefeito em outubro”, poderiam dizer. Será que a presença de Lula ajuda mesmo?

Em Anápolis e Goiânia, onde o PT tem candidatos competitivos e com chance de vitória, o bom percentual apresentado nas pesquisas advém de predicados próprios que independem do partido. Alguns até dizem que filiados à outra sigla, Adriana Accorsi e Antônio Gomide seriam ainda mais fortes. Logo, a presença de Lula lado a lado pode não ser um ativo como imaginam.

Sendo assim, bola pra frente. Lula não dá moral pra Goiás e o eleitor goiano também parece não sofrer demasiadamente com essa esnobada.

Como diria Arnaldo Antunes, “e estamos conversados”.

@pablokossa/Mais Goiás | Foto: Rafa Neddermeyer – Agência Brasil