FISCALIZAÇÃO

Após aumento em preço de combustíveis, Procon fiscaliza postos de Anápolis

A equipe do Procon de Anápolis está fiscalizando os postos de combustíveis após registrar um…

Após o aumento do preço dos combustíveis, Procon fiscaliza postos de Anápolis (Foto: Divulgação/Procon Anápolis)

A equipe do Procon de Anápolis está fiscalizando os postos de combustíveis após registrar um aumento de preços por conta dos bloqueios nas rodovias. Alguns estabelecimentos da cidade confirmaram a falta de gasolina e etanol, nessa terça-feira (1) e quarta-feira (2), por esse motivo algumas bombas foram fechadas.

A fiscalização está verificando se houve uma alteração irregular no preço desses combustíveis ou se o posto tem reservas e não está fornecendo ao cidadão. “Filas se formaram nos postos durante os dois dias de manifestação, onde a informação de desabastecimento estava sendo frequente. Estamos agindo para coibir qualquer tipo de abuso com relação aos direitos do consumidor”, afirma o diretor do órgão, Wilson Velasco,

A situação começou a se normalizar na cidade depois da mobilização perder força após a determinação do Superior Tribunal Federal para que a Polícia Rodoviária Federal desobstruísse as rodovias em todo país.

“A preocupação do Procon é que pode estar acontecendo um aumento injustificado dos combustíveis nesse momento. Tem alguns postos que estamos visitando e que nós tivemos a informação de reajuste nos preços diante da grande demanda que está se formando, o que se caracteriza um aumento injustificado”, afirma Wilson.

O diretor explica ainda que o órgão solicita as notas de compra dos combustíveis e os cupons de venda. “Dessa forma, com o mapeamento que já é feito mensalmente pelo Procon, a gente consegue verificar se o estabelecimento reajustou indevidamente o preço de venda”. De acordo com ele, qualquer situação em que o consumidor anapolino se sinta lesado ou prejudicado, pode entrar em contato pelo WhatsApp do Procon 3902-1365, que é um canal direto de denúncia.