FEMINICÍDIO

Polícia do DF procura suspeito de matar namorada com tiro no pescoço, em Planaltina

Crime teria ocorrido na frente do filho deles, de 4 anos

Polícia do DF procura suspeito de matar namorada com tiro no pescoço, em Planaltina
Polícia do DF procura suspeito de matar namorada com tiro no pescoço, em Planaltina (Foto: Reprodução - Redes Sociais)

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) procura um homem de 33 anos suspeito de matar a namorada, de 20 anos, com um tiro no pescoço, na CR 96, no Vale do Amanhecer, em Planaltina (DF). O caso aconteceu na noite de quarta-feira (15).

Segundo a corporação, Leandro Gomes Lustosa discutiu com a namorada, Sofia Antunes Queiroza, por volta das 23h. Em determinado momento, ele teria efetuado o disparo contra a vítima. O filho deles, de 4 anos, teria presenciado.

Após o crime, a polícia afirma que o suspeito limpou os lençóis que ficaram com respingos de sangue e fugiu. Ele pegou a arma e uma mochila.

Um vizinho socorreu a vítima e a levou para o Hospital Regional de Planaltina (HRP). Ela, contudo, não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade de saúde.

A 16ª Delegacia de Polícia (Planaltina) investiga o caso e o homem segue foragido. Trata-se do 31º caso de feminicídio no Distrito Federal. É um aumento de 80% em relação a 2022, quando ocorreram 17.